Brasil subiu no ranking de competitividade do turismo

  

  

Brasil subiu 23 posições no ranking mundial, atingindo a 28ª posição em competitividade do turismo. Itens que influenciaram tal melhoria foram a infraestrutura aeroportuária, a infraestrutura turística e a competitividade dos preços.

O Brasil teve uma surpreendente melhoria no ranking mundial de competitividade do turismo. Essa melhoria da colocação do país ocorreu principalmente devido ao fato de que as obras feitas para recepcionar a Copa do Mundo e as Olímpiadas de 2016 melhoram sobremaneira a infraestrutura do País para o setor do turismo. O país saltou nada mais nada menos do que 23 posições no ranking, haja vista que ele era apenas o 51º colocado e agora é o 28º país com a economia mais competitiva do turismo mundial.

Veja também:  Principais Destinos Turísticos - Ranking 2010 - Brasil

Esse ranking mundial é feito por meio de um estudo elaborado pelo Fórum Econômico Mundial, em que são analisadas 14 dimensões relacionadas ao turismo e ao todo são avaliados 140 países espalhados pelo mundo. Conforme pôde ser verificado neste último resultado, o Brasil aparece em primeiro lugar na América Latina com dois lugares acima do segundo colocado da América Latina que é o México que ocupa o 30º lugar.


Os principais pontos fortes do turismo brasileiro elencados nos relatórios desta pesquisa foram os recursos naturais, quesito este em que o país ganhou em primeiro lugar, outro fator que ajudou sobremaneira a melhoria de colocação do País foi o quesito recursos culturais, o qual o país ficou com a oitava colocação, sendo que esta posição ficou 15 colocações acima daquela que havia sido registrada no relatório da pesquisa anterior que foi publicada no ano de 2013.

Veja também:  Turismo Budapeste (Hungria)

Entre os itens que foram considerados com maior evolução no País foram a infraestrutura aeroportuária, a infraestrutura turística e a competitividade dos preços.

Contudo, como nem tudo são flores o País caiu em alguns quesitos, tais como, abertura internacional, ambiente de negócios e segurança.

  

Essa melhoria de colocação foi considerada como um estímulo, pelo governo brasileiro, a fim de que os pontos detectados como negativos sejam aperfeiçoados, pois o País não pode se acomodar, tendo em vista que ainda há muito a ser feito para que alcance posições ainda melhores neste ranking.

Par quem ficou curioso, os dez primeiros colocados neste ranking foram, respectivamente, os seguintes Países: Espanha, França, Alemanha, Estados Unidos, Reino Unido, Suíça, Austrália, Itália, Japão e Canadá.

Veja também:  Países que mais dependem do Turismo

Por Adriano Oliveira

Turismo no Brasil

Foto: Divulgação

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *