Quando ir para Salvador – Melhor Época para Viajar





Saiba aqui qual é a melhor época para conhecer Salvador (BA).

Viajar para as regiões mais agitadas e, por assim dizer, calorentas do Brasil, pode parecer algo muito prático e fácil de empreender, porém, é necessário, ao menos, verificar quais os períodos em que há mais eventos interessantes e uma temperatura ideal.

Deste modo, a cidade de Salvador pode ser considerada um dos destinos mais exóticos de nossa nação. Trata-se de uma região na qual os demais cidadãos brasileiros tendem a sentirem-se um tanto estrangeiros, dada a diferença de cultura, clima e costumes. A Terra de dois de nossos grandes poetas, Castro Alves e Gregório de Mattos, tem muito a oferecer. Salvador foi a primeira Capital do Brasil, portanto, já começa pelo seu conteúdo histórico.




Ao longo das últimas décadas, foram realizadas obras que melhoraram muito o ambiente, e tornaram tudo mais prático, incluindo a linha de metrô e o aeroporto.

Veja também:  Pontos turísticos de Itacaré (BA)

Assim, uma pequena relação dos melhores períodos de se visitar a cidade de Salvador segue abaixo:


Podemos começar pelo fim de ano e entrada de novo ano, ou seja, entre dezembro e o Carnaval, que constitui um tempo onde tudo funciona melhor, inclusive a segurança pública.

Um período que é bom evitar será entre os meses de abril e maio, quando há muita chuva e, sendo uma cidade normalmente muito ensolarada, cheia de movimento e alegria, esses dois meses podem ser perda de dinheiro, de tempo e até de depressão.

O início das melhores temporadas se dá com a tradicional festa de Santa Bárbara, ou para Iansã, no candomblé. Este evento inicia em todo 4 de dezembro. É o período das chamadas festas do largo. Este evento se dá no Pelourinho, a partir da celebração de uma missa na igreja da Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

Veja também:  Assist-Card Brasil abrirá novo escritório em Salvador (BA)

A partir do dia 8 de dezembro inicia a celebração de Nossa Senhora da Conceição da Praia, ou o Oxum do candomblé. Esse evento é realizado diante da igreja, localizada na Cidade Baixa, próxima ao Mercado Modelo.

Nada é por acaso, como também o costume de celebrar essas festividades do largo no tempo de verão, em que chove pouco e o clima pode ser amenizado.

O tempo de Réveillon, além disso, é o tempo em que o serviço de hotelaria não triplica os valores, e as opções de estadia são grandes, além dos demais serviços especializados para turistas, em todos os ramos, restaurantes, souvenires e outros.

O mês de março é um tempo de transição entre a estação de chuvas, e pode ser um período interessante para pessoas que desejam visitar essa cidade histórica e super miscigenada, em período não muito movimentado. Quem tem interesse na cultura centenária e tradicional, longe das agitações festivas, poderá visitar Salvador nos meses de setembro, de outubro e novembro.

Veja também:  Brasil Turismo - Pacotes para Porto Seguro (BA)

Os meses de junho e julho serão interessantes para quem deseja curtir um período nem muito quente, nem muito chuvoso e nem muito frio. Dias nublados e quentes, poucas chuvas, produzem equilíbrio de temperatura. A cidade está menos movimentada de turistas e os grupos de pessoas que querem pegar uma praia, sem muita agitação, poderão viajar para Salvador nesses dois meses.

Nos meses de agosto, de setembro, de outubro e novembro, o calor de verão começa a se fazer sentir aos poucos, algumas chuvas refrescantes e o início das festividades tradicionais, tais como as que se dão ao redor de Salvador, no município histórico de Cachoeira, localizado no Recôncavo, sendo esta a grande Festa de celebração da Nossa Senhora da Boa Morte, realizada, tradicionalmente, entre os dias 13 e 17 do mês de agosto.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *