Trem turístico Rio-Minas deve ser lançado em fevereiro de 2023


O trem turístico que fará a ligação Rio-Minas está previsto para começar a circular no início de 2023.

A data para que a inauguração aconteça já foi divulgada e esta será mais uma opção para os turistas que desejam conhecer as paisagens do sul fluminense e também da Zona da Mata mineira.


Agora, com as novas informações ao que parece os trilhos que tiveram a sua reforma iniciada no dia 25 de junho irão ser finalizados até o mês de dezembro deste ano. A data em si não foi confirmada até o presente momento. Desta forma, após terem sido finalizadas as obras no local, a previsão para que o trem comece de fato a circular é até o mês de fevereiro do próximo ano. Este será apenas o estágio inicial, portanto alguns detalhes poderão ser modificados para um melhor desempenho, como horários e outros pontos a serem colocados em ordem com o tempo.


Através da página ONG Amigos do Trem, no Facebook, os responsáveis pela iniciativa destacaram a respeito da notícia e comemoraram que as obras enfim foram retomadas para que em breve o trem volte a circular. Neste primeiro momento, como foi destacado, o trem irá funcionar apenas em um percurso de 37 km, onde passará por três cidades distintas: Três Rios, Chiador e Sapucaia.


Mas o projeto tem por objetivo conseguir aumentar esta quilometragem. A ideia é que se consiga obter um trajeto de 168 km. Neste caso, serão incluídas então duas cidades do estado do Rio, que serão Três Rios e Sapucaia, enquanto serão adicionadas seis cidades do estado de MG: Chiador, Recreio, Leopoldina, Volta Grande, Cataguases e Além Paraíba.


A presidente da ONG Amigos do Trem, Cyntia Nascimento, destacou que a ideia agora é que inicialmente o trem consiga realizar pelo menos duas viagens ao dia, sendo uma de manhã e outra a tarde. A ideia é que também haja uma circulação do trem nestes horários nos sábados, domingos e feriados. A presidente da ONG contou um pouco mais sobre o projeto, onde pontuou o tempo que deveria durar o trajeto em questão, que o plano é que seja cerca de 2h a 2h30. Cyntia também destacou que o plano é que o bilhete seja acessível, para que todas pessoas possam também aproveitar as viagens e conhecer um pouco mais dos locais em questão.

Leia também:  Dólar em alta: dicas para economizar na viagem

O projeto foi idealizado ainda em 2016, e somente agora tem dado passos mais largos. Desde o começo a ideia era realizar uma ligação com a cidade de Três Rios, que fica no sul fluminense, até a cidade mineira Cataguases. A previsão era de que a operação aconteceria até o ano de 2018, entretanto, as obras acabaram sendo paralisadas e agora somente que foram retomadas de fato para a conclusão do projeto. Em agosto de 2021, a Agência Nacional de Transportes Terrestres aprovou finalmente o projeto, para que assim fosse dado o início da restauração do trecho inicial, sendo este que está em obras e será finalizado até o mês de dezembro.

Esta entre tanto é somente a primeira etapa do projeto, de acordo com o que foi informado pela presidente da ONG, a segunda será restaurar e tornar viável que o trem chegue aos outros locais que fazem parte do projeto, como Leopoldina, Recreio, Além Paraíba, Volta Grande e Cataguases. Mas esta segunda fase ainda não tem previsão de início.

A linha que está sendo restaurada agora para a passagem do trem turístico estava desativada desde o ano de 2015. Já em 2018, ela passou por um teste para se tornar viável a passagem de um trem pelo local. Mas o projeto, como destacado, acabou não indo para frente.



Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.