Confira aqui a agenda de pré-carnaval dos Blocos de Rua do Rio de Janeiro 2017.

E a folia já começou para quem é de festa! Ainda que falte alguns dias para o início oficial do Carnaval 2017, alguns blocos já começam a invadir as ruas da cidade, trazendo alegria aos foliões mais entusiasmados e ansiosos para o início dos “dedinhos no ar”.

Em torno de mais de quarenta blocos vão estar desfilando pelo Rio em diferentes bairros durante esse fim de semana. O destacável “Desliga da Justiça” vem como “abre-alas”, a partir das 8 da manhã, na Gávea, praça Santos Dumont, na Zona Sul do Rio.

O “Spanta Neném” também marcará presença na Lagoa, além da Banda de Ipanema, às 16 horas.

Para fechar com chave de ouro e com gostinho de quero mais, cerca de 16 blocos vem para arrastar todo mundo no domingo. Blocos como “Volta, Alice” (Laranjeiras) e "Alegria sem Ressaca" (Copacabana) vem para ser muito mais que um “esquenta de Carnaval”.

Abaixo segue a lista completa de todos os blocos que desfilam esse sábado (11) e domingo (12):

– Sábado, dia 11 de fevereiro (25 blocos)

8 horas da manhã – Desliga da Justiça

  • Bairro: Gávea, Zona Sul
  • Bloco Para Em: Praça Santos Dumont

9 horas da manhã – Vira-Lata

  • Bairro: Barra da Tijuca – Zona Oeste
  • Ponto de Concentração: Av. do Pepê com Érico Veríssimo

10 horas da manhã – Spanta Neném

  • Bairro: Lagoa – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Corte do Cantagalo

Às 13 horas – A Febre do Samba

  • Bairro: Gamboa – Centro
  • Bloco Para Em: Rua Argemiro Bulcão

Às 13 horas – GB Bloco

  • Bairro: Laranjeiras – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Praça Jardim Laranjeiras – Rua General Glicério

Às 13 horas – Imprensa Que Eu Gamo

  • Bairro: Laranjeiras – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Rua Gago Coutinho, em frente ao Mercadinho São José

Às 14 horas – Banda da Praia da Bica

  • Bairro: Ilha do Governador
  • Bloco Para Em: Quiosque Piratas Praia da Bica

Às 14 horas – Cadê Meu Beijo?

  • Bairro: Portuguesa – Ilha do Governador
  • Bloco Para Em: Rua Luis Sá, em frente ao Restaurante Brazuca

Às 14 horas – Puxa Que É Peruca

  • Bairro: Grajaú – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Praça Edmundo Rego

Às 15 horas – Beijo Quente

  • Bairro: Fazenda Botafogo – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Pedro Jório

Às 15 horas – Cacique de Higienópolis

  • Bairro: Higienópolis – Zona Norte
  • Bloco Para Em: Rua Tamiarana, esquina com Rua Darke de Mattos

Às 15 horas – Fala Meu Louro

  • Bairro: Santo Cristo – Centro
  • Ponto de Concentração: Rua Waldemar Dutra, 19

Às 15 horas – Seu Kuka

  • Bairro: Grajaú
  • Bloco Para Em: Rua Emilia Sampaio

Às 16 horas – Alegria da Mangueira

  • Bairro: Mangueira – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Campo da UPP Mangueira – Rua Visconde de Niterói

Às 16 horas – Amigos da Esquina

  • Bairro: Engenho de Dentro – Zona Nore
  • Ponto de Concentração: Rua Pernambuco com Rua 2 de Fevereiro

Às 16 horas – Banda de Ipanema

  • Bairro: Ipanema – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Rua Jangadeiros, esquina a Gomes Carneiro

Às 16 horas – Calma Amor

  • Bairro: Irajá – Zona Norte
  • Bloco Para Em: Praça Ferreira Souto

Às 16 horas – Deixa a Língua no Varal

  • Bairro: Tijuca – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Barão de Mesquita, 136

Às 16 horas – Encontro dos Blocos – Blocasso

  • Bairro: Centro
  • Bloco Para Em: Praça Marechal Ancora

Às 16 horas – Nem Muda Nem Sai de Cima

  • Bairro: Tijuca – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Garibaldi, esquina a Avenida Maracanã

Às 16 horas – Paz e Amor

  • Bairro: Paquetá – Centro
  • Ponto de Concentração: Praça Pedro Bruno

Às 16 horas – Vou Treinar e Volto Já

  • Bairro: Tijuca – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Praça Afonso Pena

Às 17 horas – Panela Preta de Curicica

  • Bairro: Curicica – Zona Norte
  • Bloco Para Em: Rua João Bruno Lobo

Às 18 horas – Carmelitas (Ensaio)

  • Bairro: Centro
  • Bloco Para Em: Praça Tiradentes

Às 18 horas – Cordão do Prata Preta

  • Bairro: Gamboa – Centro
  • Bloco Para Em: Praça Coronel Assumpção (Praça da Harmonia)

Domingo, dia 12 de fevereiro (16 blocos)

8 horas da manhã – Me Esquece

  • Bairro: Jardim Botânico – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Rua Jardim Botânico, esquina a Rua Pacheco Leão

8 horas da manhã – Volta, Alice

  • Bairro: Laranjeiras – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Rua Alice

9 horas da manhã – Chame Gente

  • Bairro: São Conrado – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Av. Prefeito Mendes de Moraes, esquina a Rua Herbert Moses

10 horas da manhã – Alegria Sem Ressaca

  • Bairro: Copacabana – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Av. Atlântica, esquina a República do Peru

10 horas da manhã – Calma, Calma Sua Piranha

  • Bairro: Botafogo – Zona Sul
  • Ponto de Concentração: Rua Visconde de Caravelas, esquina a Rua Real Grandeza

10 horas da manhã – Foliões do Rio

  • Bairro: Jardim Guanabara – Ilha do Governador
  • Ponto de Concentração: Praça Jerusalém

10 horas da manhã – Se Cair Eu Como

  • Bairro: Ilha do Governador
  • Ponto de Concentração: Praça da Freguesia

Às 13 horas – Boi da Vila da Penha

  • Bairro: Vila da Penha – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Ápia, nº 890 a 900

Às 15 horas – Beijo Quente

  • Bairro: Fazenda Botafogo – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Pedro Jório

Às 15 horas – Bigodinho Esticado

  • Bairro: Méier – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Dias da Cruz, nº 255

Às 15 horas – Malandragem do Porto

  • Bairro: Saúde – Centro
  • Bloco Para Em: Travessa Silvia Baião

Às 16 horas – Chinelo de Dedo

  • Bairro: Centro
  • Bloco Para Em: Rua do Mercado, 23

Às 16 horas – Fiquei Firme da Favela

  • Bairro: Saúde – Centro
  • Ponto de Concentração: Praça Américo Brum

Às 16 horas – Tira a Roupa Neném

  • Bairro: Quintino – Zona Norte
  • Bloco Para Em: Rua Vital, esquina a Rua Nogueira

Às 16 horas – Xodó da Piedade

  • Bairro: Piedade – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Silvana, esquina a Rua Mario Carpenter

Às 19 horas – Império da Tijuca

  • Bairro: Tijuca – Zona Norte
  • Ponto de Concentração: Rua Conde de Bonfim, esquina a Rua José Higino

Yamí de Araújo Couto


Mesmo sem apoio da prefeitura, bloco irá fazer a festa pelas ruas de Curitiba.

Um dos blocos carnavalescos mas tradicionais de Curitiba-PR, o Garibaldis e Sacis, informou a todos que curtem a farra que fará o ensaio de pré-carnaval esse ano, mesmo sem o apoio da prefeitura da cidade, que esse ano não vai organizar o evento.

O grupo já está fazendo, como de costume, os ensaios abertos pelo centro e imediações. Segundo a coordenadora de comunicação do bloco, Anaterra Viana, tudo vai acontecer normalmente e o Carnaval vai ser sempre como nos anos anteriores. Ainda segundo a coordenadora, se o bloco mais famoso da capital não tem recurso para sair, as pessoas vão arrumar dinheiro de outra forma como era feito anos atrás, seja com a venda de camisetas, CD e até com a ajuda financeira dos foliões.

O bloco Garibaldis e Sacis foi fundado em 1999 e sempre arrastou milhares de pessoas atrás do seu imenso trio elétrico ao som das tradicionais marchinhas de Carnaval e desde 2012 toda a programação do festeiro bloco faz parte da grade de programação do Carnaval da capital paranaense.

A coordenadora informa que não é só o bloco Garibaldis e Sacis que vai desfilar, mas outros blocos de diversos bairros vão sair para as ruas também e para que o Garibaldis e Sacis saia no Centro Histórico de Curitiba, será necessária uma prévia autorização da prefeitura. Anaterra Viana ainda reforça que os bailes de pré-carnaval são uma imensa vontade da população da capital e que a intenção dos blocos é ir para os bairros, ou seja, fazer uma descentralização do evento, para maior participação de todos.

A contenção de despesas não chegou somente até aos animados blocos, pois a Fundação Cultural de Curitiba (FCC) tem uma dívida estimada em R$ 2,3 milhões e foi obrigada a reduzir o repasse de verbas para todas as escolas de samba de Curitiba, mesmo as mais tradicionais. Para se ter uma ideia, as escolas de samba do grupo especial A receberão a quantia de R$ 30 mil cada, pois até ano passado, cada uma recebia o dobro do valor. Para as escolas do grupo de acesso B, que recebiam R$ 30 mil, esse ano vão receber somente R$ 18 mil, segundo fontes ligadas a Fundação Cultural.

Rodrigo Souza de Jesus


Bloco CarnaPet promete reunir cães e donos na folia. Evento irá reunir doações para cães abandonados.

Você já pensou em um Carnaval bom para cachorro? Não!! Pois pode começar a considerar isso, pois em Brasília, Distrito Federal, o Carnaval do ano de 2017 chega com essa novidade. É isso mesmo, o Carnaval de Brasília, entre tantos blocos que se apresentarão, conta com a apresentação especial de um bloco de cachorros.

Trata-se do Bloco CarnaPet Brasília, um bloco criado especialmente para os cachorrinhos da cidade e visitantes.

Segundo a expectativa dos organizadores do bloco dos caninos, no dia 18 do mês de fevereiro mais de 3 mil cães devem estar reunidos no bloco que acontece no Cine Drive-in.

Agora, se você está pensando em como será, será um Bloco de Carnaval exclusivo para cachorros, existe uma programação em que dentre as atrações estão o filme “A Fama e o Vagabundo”, a realização de gincanas e também um concurso que vai eleger o cãozinho com a melhor fantasia.

O motivo que levou a criação desse bloco exclusivo para cães é o fato de que a cada ano aumenta-se o número de cães que se agregam às famílias e acabam sendo considerados membros da família. Além disso, um número bem relevante de casais opta em ter um, dois ou mais cachorros em vez de terem filhos.

A folia para os cães surge no intuito de incluir ainda mais esses animais nas atividades comuns às suas famílias. Além disso, com o CarnaPet Brasília procura-se chamar a atenção de todos os foliões para o cuidado com os cães, não somente os que já possuem um lar, mas principalmente com os cães abandonados.

Nesse sentido a ONG ItDogs estará fazendo coletas de doações, que se possível devem ser levadas pelos participantes do bloco. As doações podem ser desde um quilo de ração, bem como remédios, acessórios, camas, casinhas e roupas.

Para participar do bloco CarnaPet Brasília o ingresso será vendido por R$ 23,00, no caso do dono e seu companheiro. Em casos em que a família toda chegue com o cãozinho, os ingressos custarão a metade do preço.

O evento está marcado para ter início às 16 hs e haverá atrações até às 20:30 hs, no dia 18 de fevereiro.

Para saber de outros detalhes acesse https://www.facebook.com/itdogsbrasilia/.

Sirlene Montes


Secretaria Municipal de Cultura divulga agenda oficial dos Desfiles dos Blocos de Rua do Carnaval de São Paulo 2017.

Depois de algumas contestações sobre a lista de blocos que irão fazer o Carnaval de São Paulo e que foi divulgada recentemente pela Prefeitura, a Secretaria Municipal de Cultura corrigiu as informações sobre a relação dos blocos de rua e divulgou uma nova lista nesta quarta-feira.

Na terça-feira desta semana, a Prefeitura de São Paulo tinha divulgado uma lista na qual, segundo alguns representantes dos blocos, havia vários erros sobre as datas, os locais e os horários. Um deles foi o Ritaleene. De acordo com os representantes do bloco, a agenda divulgada pela gestão do município só trazia apenas a informação da data do pré-carnaval do bloco. Já o desfile oficial, que está marcado para o dia 26 de fevereiro, não tinha entrado na lista.

O Carnaval de rua de São Paulo conta com 495 inscritos, são 381 blocos que já confirmaram a participação. No total vamos ter 413 desfiles. Isso porque há vários blocos que irão desfilar em mais de um dia.

Entre os desfiles confirmados estão os do Tarado ni Você, Minhoqueens, Agora Vai, Confraria do Pasmado, Urubó e Unidos do baixo Augusta, entre diversas outras.

Quem for visitar a região da Sé, no centrão de São Paulo, terá mais opções de diversão. Na verdade é lá que a maior parte dos blocos vai fazer a festa. Serão 115 atrações no total.

Na Zona Oeste, no bairro de Pinheiros, são 86 blocos. Já na Lapa são 31 blocos para os foliões, enquanto que na Vila Mariana, Zona Sul, temos 25.

Segundo o organizador do “Bloco 77”, Anderson Boscari, a prefeitura é responsável por uma determinada parte da festa, como por exemplo, a infraestrutura de rua dos banheiros, enquanto que os blocos ficam com os músicos e carros de som.

Além dos banheiros químicos, a prefeitura irá auxiliar com a segurança e com o apoio da Companhia de Engenharia de Tráfego. É bom ficar atento aos detalhes, já que cada subprefeitura possui regras diferentes que determinam o horário para a festa terminar, a quantidade de pessoas que integram os blocos e em quais ruas os desfiles não podem acontecer.

Para conferir a relação com todos os blocos que irão desfilar em São Paulo entre os dias 17 de fevereiro e 05 de março clique aqui.

Por Denisson Soares





CONTINUE NAVEGANDO: