Quando o outono dá as caras por aqui, anunciando que logo logo os dias frios virão, na Inglaterra a situação é outra. A temporada de sol, os dias mais longos e ensolarados começam a atrair os turistas para sua imensa gama de atrativos.

Na região Oeste da Inglaterra reinam soberanos os condados de Somerset, Devon e Cornualles, e ainda a bela cidade de Bristol. Nessa região, que fica próxima ao Sul de Gales, as praias são a grande atração durante os dias quentes e ensolarados. A vida social e econômica agitada de Bristol, que é o ponto de embarque e desembarque de transatlânticos, faz com que a cidade tenha incontáveis opções de lazer e diversão.

Bristol possui ainda uma cultura pulsante, através de suas igrejas, como a de St. Stephens, de suas mansões datadas do século 17, o Blaise Castle House Museum and Estate, a Aldeia de Blaise, uma coleção de casinhas com telhado de palha construídas no século 19 e a belíssima ponte Clifton Suspension Bridge.

As opções de hospedagem na cidade também são muito variadas, e vão desde luxuosos hotéis em forma de castelo, como o Thornbury Castle, até albergues com preços super acessíveis.

Por  Juliete Lunkes


Bristol está situada no sudoeste da Inglaterra e é a maior cidade da região, com aproximadamente 550 mil habitantes. A cidade inglesa revela muitos atrativos turísticos e suas ruas e bairros ficaram conhecidos no mundo todo através do seriado adolescente Skins, que se passa na cidade.

Um dos lugares mais visitados de Bristol é a St. Mary Redcliffe, uma igreja paroquiana construída no século 16, uma das mais importantes de toda a Inglaterra. A Catedral de Bristol também é outro grande atrativo da cidade, além do Bristol’s City Museum & Art Gallery e a The Gregorian House, casa do antigo produtor de açúcar John Pinney.

Um típico dia bem aproveitado em Bristol seria uma breve visita em alguns de seus principais pontos turísticos, seguido de uma demorada parada em um de seus elegantes cafés. Para a noite, Bristol ainda revela mais surpresas. Além de dezenas de bares, clubes e pubs fervilhantes a cena musical também bem marcante e intensa, e há ainda excelentes restaurantes para noites mais tranqüilas.

Por Juliete Lunkes





CONTINUE NAVEGANDO: